O que é felicidade?


Esse artigo é o primeiro de uma série que estarei publicando com reflexões, questionamentos e dicas sobre felicidade e realização pessoal, para que você analise e adapte à sua realidade, de acordo com a sua própria definição de autorrealização.


Quem não deseja ser feliz e estar de bem com a vida? Mas, como ser feliz nos dias de hoje diante de tantas turbulências? Pressão por resultados, pouco tempo para estar com a família, excesso de informação, estresse, o voo que foi cancelado, alto índice de violência nas cidades, engarrafamento no trânsito e etc.


Felicidade não se ensina, mas se aprende no cotidiano da vida. Até porque a felicidade para uma pessoa pode significar conquistas materiais, para outras isso pode não ser tão importante.


O que é felicidade?


Você já percebeu que algumas pessoas possuem riquezas materiais, status, uma ótima posição social, mas são infelizes? E você já notou que outras pessoas têm muito pouco, passam por diversas dificuldades para conquistar algo na vida, mas demonstram felicidade e paz de espírito? A felicidade não é o que as pessoas têm, mas é o significado que elas dão àquilo que elas têm.


Felicidade é um estado, uma sensação de bem estar e contentamento. Felicidade é valorizar o que se tem, sem deixar é claro de almejar algo a mais para a sua vida.

Em uma de minhas palestras faço um questionamento para os participantes: pensem em um objetivo que desejam para esse ano e depois escrevam no papel.


Alguns escrevem, “quero ser feliz”. Mas, eu alerto que felicidade é um estado que uma pessoa experimenta, portanto não é um objetivo. Objetivo é algo concreto, datado e com um prazo realista para alcançá-lo. Basta lembrar de uma experiência feliz do passado que o sentimento de felicidade começa a tomar conta.


Então, a felicidade não é uma sensação eterna porque não dá para estar feliz o tempo todo. Por esse motivo é que a felicidade pode ser um jeito de viver, uma forma de se colocar diante dos altos e baixos da vida. Todos nós sempre possuímos pelo menos duas escolhas: uma é ficar assistindo a vida passar, de braços cruzados esperando que o mundo venha nos fazer feliz; outra é ter atitude, fazer valer a pena e criar momentos de felicidade.


Muitas pessoas quando estão infelizes acham que o sofrimento não terá fim. Todo mundo tem desafios na vida, mas felicidade consiste em saber dar a melhor resposta diante da adversidade. Não é o que acontece na nossa vida que determinará nossa felicidade, mas como nós elaboramos tais acontecimentos.


Gosto muito da música de Gonzaguinha que retrata bem a ideia de felicidade: “Viver! E não ter a vergonha de ser feliz.


Cantar e cantar e cantar a beleza de ser um eterno aprendiz…Eu sei que a vida devia ser bem melhor e será, mas isso não impede que eu repita, é bonita, é bonita e é bonita.”


E pra você, o que é felicidade? Até o próximo artigo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo